sábado, 23 de abril de 2011

A comida na Antiguidade

Nutrir o corpo e o espírito - O significado simbólico da comida no mundo antigo

É o tema da exposição inaugurada na última 4ª feira, 20 de abril no Museu Arqueológico de Milão, e segue aberta ao público até 31 de dezembro.
Realizada graças aos generosos empréstimos do Museu Arqueológico Nacional de Nápoles, de Metaponto e do Museu Arqueológico Regional de Siracusa, a mostra  ocupa as salas da cripta da Igreja de S. Maurizio Maggiore, no Museo Archeologico.


Pratos de peixe - século IV a.C.

São dois os percursos paralelos: Os alimentos e o sagrado e Nutrior o corpo e o espírito. Na primeira seção, são levados em conta os alimentos como pão e cereais, vinho, carne e peixe, principalmente no que diz respeito aos seus significados simbólicos, míticos e rituais, além da relação entre comida e sociedade. Na segunda seção, são tratados os temas como Comida dos deuses e comida para os deuses, Comida dos mortos e comida para os mortos, Comida e Filosofia e Oriente.

Oinochoé - cerâmica grega - séc. III a.C.

Um comentário:

  1. fala de pratos mais não fala do tipo de comida,nem de pratos típicos, por que não tem,

    ResponderExcluir